domingo, 26 de julho de 2009

F.C. St. Pauli (Hamburgo - Alemanha) - O clube de futebol mais Rock and Roll.


O F. C. St. Pauli foi oficialmente criado em 1910, porém a sua história começou em 1899, com um pequeno e informal grupo de adeptos do futebol chamado Hamburg-St. Pauli Turn-Verein, mas o primeiro jogo só aconteceu em 1907 contra um time de mesmas características. Oficialmente criado em 15 de maio de 1910, o clube jogou como St. Pauli TV na Kreisliga Groß-Hamburg (Alsterkreis) até 1924 quando uma excluída parte formou o St.Pauli.

Veja o St. Pauli entrando em campo ao som de Hells Bells, do AC/DC. video

Foi em meados da década de 1980, que o St. Pauli deixou de ser apenas um time de futebol. Ele se tornou um time cult. O clube tinha a vantagem de estar próximo a Reeperbahn, centro da vida noturna da cidade e de suas "red-lights". Isso foi favorável ao aparecimento de uma cena alternativa, onde os fãs, a maioria com tendências de esquerda, transformavam os jogos em verdadeiros eventos festivos. A bandeira pirata com sua caveira e ossos cruzados, foi adotado como um emblema não-oficial, por sua torcida. O St. Pauli foi o primeiro time a banir oficialmente de seus estádios e torcida, elementos de extrema direita e com comportamento ultra-nacionalistas, bastante comuns na época onde o comportamento "hooligan" inspirava jovens facistas em toda a Europa. Em 1981, o time teve uma queda drástica no número de espectadores em seus jogos. Os frequentadores, não passavam de 1.600 pagantes por jogos. Mas ao final da década de 1990 isso foi revertido e passaram a vender frequentemente todos os ingressos disponíveis para a partida, que em números daria em torno de 20.000 pessoas a cada jogo.

No início dos anos 90, os meios de comunicação começaram a trabalhar com a imagem cult do time, ou seja, focando sempre no punk como imagem e atitude base dos torcedores. A esta altura, vários apelidos foram sendo criados pela mídia, como Freibeuter der Liga (Piratas da Liga) ou Freudenhaus der Liga (algo como o Bordel da Liga). Mas esses nomes não são ditos atualmente pelos fãs.
Ao ser o primeiro time a banir a extrema-direita de seu estádio, o Millerntor, o Sankt Pauli trouxe para suas fileiras nas arquibancadas muitos dos membros ativos da comunidade envolvida com o hardcore, com seu epicentro nos squats da Hafenstrasse, uma rua com quase todos os seus prédios invadidos e habitados por jovens desempregados vivendo do seguro social, ativistas vegetarianos ou vegan, músicos, produtores de shows, artistas. Até um goleiro do Sankt Pauli veio destas ocupações.

A ligação com a equipe no campo musical pode ser identificada com as centenas de canções compostas em homenagem ao Sankt Pauli. Brux tem todas gravadas em sua casa. Em 2000 a famosa banda americana Bad Religion jogou uma partida beneficente contra o terceiro time da casa e Andrew Eldritch, do Sisters of Mercy, durante a turnê de sua banda em 2006, tocou com a camisa da torcida.
A mais recente foi a homenagem dos britânicos do Art Brut com o lema de todo punk que se preza (Punk Rock ist nicht tot – O Punk Rock não morreu). Impossível numerar todas as citações, inclusive na cena brasileira, onde músicos do Carbona, Agrotóxico, Confronto ou Jason usam a famosa caveira do clube em seus concertos.
Que o F.C. St. Pauli tem tudo a ver com Rock and Roll você já percebeu, mas e com cerveja? Será que ainda temos alguma dúvida?

segunda-feira, 20 de julho de 2009

Degustação da cerveja feita no curso de Leonardo Botto

Quinta-feira passada, dia 17, fizemos a degustação da Belgian Golden Strong Ale, cerveja que foi produzida pelo Leonardo Botto e seus alunos no último curso que ele fez aqui em Ribeirão Preto, no dia 6 de junho.

Marcelo, do Biergarten, dando início aos "trabalhos".

A degustação foi realizada no Empório Biergarten, e contou com parte dos alunos do curso e alguns convidados. A opinião prevalente da galera foi que a cerveja ficou mais leve e pouco carbonatada, mas muito perfumada e saborosa. Particularmente achei o aspecto muito bom, e o gosto leve e frutado, além de um aroma com toques de banana. Dá de goleada em qualquer cerveja da AMBEV !!!


A degustação foi o motivo que faltava para me convencer a produzir cervejas caseiras. Gostei tanto do resultado que já comecei a adquirir os equipamentos para minha produção artesanal. A galera do curso certamente será convidada para o brinde de minha primeira cerveja. Saúde galera!!!

segunda-feira, 13 de julho de 2009

13 de julho - Dia Mundial do Rock.

Comemoramos hoje o Dia Mundial do Rock and Roll. Há 55 anos Bill Halley uniu o blues, jazz e country, historicamente dando origem ao ritmo chamado rock and roll. Em 1954, "Bill Halley and His Comets" gravaram "(We're Gonna)Rock around the clock", escrita por compositores veteranos do Tin Pan Alley, distrito de New York.
Naquela época começava o delírio do rock, certamente já acompanhado de boas cervejas, talvez com algumas das antigas cervejas abaixo.





Veja o vídeo abaixo, de 1956, Bill Halley and His Comets ao vivo, raridade dos primórdios do velho e bom rock and roll.

video

sábado, 11 de julho de 2009

Um brinde com Paul Stanley - a voz do KISS.

A banda de rock KISS é certamente uma das que mais combina com cerveja, com diversão e rock and roll. Paul Stanley é sua voz mais marcante, e a poderosa música "Hide your heart" mostra toda sua capacidade vocal, neste vídeo fazendo um show solo, com a cara limpa (sem maquiagem) e acompanhado de uma garotada que manda muito bem.
Para curtir o show deste ícone do rock americano, sugiro um brinde com duas das mais respeitadas cervejas americanas da atualidade, segundo especialistas.
vide o site: http://www.pastemagazine.com/blogs/lists/2009/04/five-great-american-beers.htm

Oskar Blues Ten FIDY.


Three Floyds Dark Lord Russian Imperial Stout.


Então abra sua cerveja e curta o som!!
video

domingo, 5 de julho de 2009

Cerveja Guinness - 250 anos de tradição.

Os amantes da cerveja Guinness mantém uma tradição nascida em 1759, e iniciando as homenagens ao aniversário de 250 anos da mais tradicional e charmosa de todas as cervejas, apresento um belo comercial da cerveja de Dublin (República da Irlanda).

Viva a GUINNESS !!!

video